Rita Lee - Jardins da Babilonia

[postlink]http://clipvinil.blogspot.com/2010/08/rita-lee-jardins-da-babilonia.html[/postlink]http://www.youtube.com/watch?v=2kCVWuhrFC4endofvid
[starttext]
Rita Lee nasceu em São Paulo (capital) no dia 31 de Dezembro de 1947, filha caçula de Charles Fenley Jones e Romilda Padula Jones teve duas irmãs: Mary Lee e Virginia Lee. É casada com o músico e compositor Roberto de Carvalho desde 1976 e tiveram três filhos: Beto, João e Antônio.
Apesar de sonhar em ser médica veterinária ou atriz de cinema, Rita desde pequena tinha paixão pela música e chegou a ter aulas de piano com a famosa concertista Madalena Tagliaferro. Mais tarde, já na escola, formou um grupo só de garotas chamado Teenage Singers (1963). Em 1964 participou do Tulio Trio, depois do grupo Six Sided Rockers, que no ano seguinte mudou o nome para O'Seis e lançou um compacto com as músicas "Suicida" e "Apocalipse". No final de 1965, com a saída de alguns integrantes e entrada de outros, o grupo mudou o nome para O Konjunto. Quando a formação da banda se reduziu a apenas um trio surgiram Os Bruxos que logo a seguir foram rebatizados de Os Mutantes, grupo do qual Rita fez parte de 1966 a 1972. Os Mutantes fizeram sua primeira apresentação no III Festival de Música Popular Brasileira da TV Record, em 1967, acompanhando Gilberto Gil na música "Domingo no Parque". Fizeram parte do núcleo de fundadores do Tropicalismo, juntamente com Caetano Veloso, Gilberto Gil, Gal Costa, Tom Zé, Rogério Duprat e outros artistas de peso. Junto com os Mutantes,em 1973, Rita monta a banda "Tutti Frutti" e inicia um trabalho de fortíssima identidade pessoal, gravando discos como "Fruto Proibido", considerado por muitos como o melhor disco de rock nacional de todos os tempos. Realiza também as primeiras turnês para grandes públicos, percorrendo todo o Brasil
No início de 95 Rita é convidada para fazer o show de abertura da turnê brasileira dos Rolling Stones. Convoca Roberto de Carvalho para reger a banda e realizam mega espetáculos nos estádios do Pacaembu em São Paulo e no Maracanã no Rio, ocasião em que germina o que viria ser o show "A Marca da Zorra". Realizam turnês pelo Brasil e o show vira um CD ao vivo, ganhando vários prêmios da crítica e êxito total de público. Roquenrou purista e em altíssima decanagem.
No final de 1996, Rita e Roberto se casam oficialmente depois de 20 anos de vida em comum. Também neste ano Rita se torna a primeira mulher a receber o Prêmio Shell pelo conjunto de obra,Em 2001, Rita assina contrato com a gravadora Abril Music e, por sugestão de Marcos Maynard (presidente da Abril) grava um álbum com releituras de clássicos dos Beatles, que tenho um guardado a sete chaves.
Entre maio e janeiro de 2007 gravou três shows que, junto a diversas entrevistas, foram lançados no box Biograffiti. Dirigidos por Roberto de Oliveira, os três DVDs fazem um perfil e contam a vida de Rita. Em maio Rita Lee recebeu o título de Cidadã Carioca em uma cerimônia na Câmara Municipal de Vereadores e no início de 2008 Rita Lee estreou sua nova turnê, Pic-Nic. O show faz um apanhado dos 40 anos de carreira e celebra os 60 anos de Rita.

Jardins da Babilônia
(Rita Lee)

Suspenderam
Os Jardins da Babilônia
Eu prá não ficar por baixo
Resolvi!
Botar as asas prá fora
Porque!..

"Quem não chora dali"
"Não mama daqui"
Diz o ditado
Quem pode, pode
Deixa os acomodados
Que se incomodem...

Minha saúde não é de ferro não
Mas meus nervos são de aço
Prá pedir silêncio eu berro
Prá fazer barulho
Eu mesma faço
Ou não!...

Pegar fogo
Nunca foi atração de circo
Mas de qualquer maneira
Pode ser!
Um caloroso espetáculo
Então!...

O palhaço ri dali
O povo chora daqui
E o show não pára
E apesar dos pesares do mundo
Vou segurar essa barra...

Minha saúde não é de ferro
Não é não!
Mas meus nervos são de aço
Prá pedir silêncio eu berro
Prá fazer barulho
Eu mesma faço
Ou não!...

Minha saúde não é de ferro
Não é não!
Mas meus nervos são de aço
Prá pedir silêncio eu berro
Prá fazer barulho
Eu mesma faço...

Suspenderam
Os Jardins da Babilônia
Eu prá não ficar por baixo
Resolvi!
Botar as asas prá fora
Porque!..

"Quem não chora dali"
"Não mama daqui"
Diz o ditado
Êh êh êh êh!
Quem pode, pode
Deixa os acomodados
Que se incomodem...


Site oficial:http://www.ritalee.com.br
[endtext]

8 comentários:

pretynha disse...

nossa como dancei com essa musica rsrs nem imaginava ouvir essa musica de novo obrigado bjs

suenia.galvao disse...

Eu gosto dessa musica.Mais nao e do meu tempo. Bjs

luka031052@gmail.com disse...

legal...muito linda, voltei atrás sim...
é do meu tempo tbem...beijos.

zenilde disse...

Adoro... mas não lembro dela não... Beijão amigo e obrigada pela postagem

Nana disse...

Rita Lee e Roberto de Carvalho lindos nesse video! A música é o máximo!

fatimacar disse...

que viaje no tempo...gostosa ....eu dancei muito mesmo e adorova.......bjs obrigado sonia

sonia negrison disse...

OLÁ MENINO , AMEI A MÚSICA....VIAJAR DE VEZ EM QDO É BOM, PRINCIPALMENTE NO TEMPO....
COMO EU QUERIA PODER VIAJAR NO TEMPO, DE VERDADE,SERIA MUITO BOM VOLTAR AO PASSADO...MAS NÃO SEI SE DEPOIS EU RETORNARIA RSRS...AÍ EU PENSO...E MINHAS FILHAS, COMO FICARIAM...CADA COISA QUE ESSA MÁQUINA MARAVILHOSA Q É O NOSSO CÉREBRO PENSA....BJS MENINO....SONINHA...OU MENINA.

mardy disse...

e eu fiquei com os pés chatos de tanto dançar.

Postar um comentário