Zizi Possi - Noite

[postlink]http://clipvinil.blogspot.com/2010/03/zizi-possi-noite.html[/postlink]http://www.youtube.com/watch?v=haxzxXlDw7gendofvid
[starttext]
Maria Izildinha Possi, nasceu em São Paulo, no dia 28 de março de 1956. Paulistana do bairro do Brás, típico reduto de imigrantes italianos, estudou piano e canto na infância e mudou-se para Salvador aos dezessete anos, onde estudou composição e regência. Após dois anos de curso, abandonou a faculdade e fez teatro com o irmão, o diretor musical José Possi Neto, na mesma época em que participou da montagem do musical Marilyn Miranda. Em um projeto para a prefeitura soteropolitana, trabalhou como musicóloga para crianças — filhos de prostitutas no Pelourinho —, gravou jingles comerciais e participou de especiais da televisão local, além de trabalhar como tradutora, transferindo-se posteriormente para o Rio de Janeiro.

A convite do então diretor artístico Roberto Menescal, Zizi assinou contrato com a gravadora Philips, que posteriormente transformou-se em Polygram (atualmente Universal Music), que lançaria quase todos os discos. O primeiro LP gravado foi Flor do Mal (1978) e o primeiro grande sucesso foi a canção Pedaço de Mim, gravada para um disco de Chico Buarque, autor da canção, que também dá título ao segundo álbum, datado de 1979, no qual outras duas canções se destacariam: Nunca e Luz e mistério.

Ao longo da carreira Zizi se consagrou como cantora popular através dos sucessos como: Nunca, Luz e mistério, Meu amigo meu herói, Caminhos do sol, Engraçadinha, Eu velejava em você, O amor vem pra cada um, Dê um rolê, Luiza, Perigo, Esquece e vem, Noite, A paz e principalmente Asa morena. Esta última, do disco homônimo lançado em 1982, foi um sucesso radiofônico e comercial.

Ex-mulher do produtor musical Líber Gadelha (fundador da gravadora independente Indie Records em 1997) é mãe da cantora Luiza Possi.




Noite
( Nico Resende/Jorge Salomão)

Eu fico quieta, não canto
Penso, medito e me espanto
A vida dá voltas, mistérios
O que é que eu vou fazer?

Sozinha num quarto fechado
Eu vejo a cidade ao longe
Procuro alguém que se esconde
Por onde começar?

Noite, há horas te espero
E você não chega, ai meu coração
Fogo aceso, corpo paixão
Sou toda explosão

Noite, há horas te espero
E você não chega, ai meu coração
Fogo aceso, corpo paixão
Sou toda explosão.
[endtext]

7 comentários:

mab disse...

linda postagem querido Jose . parabéns !bom dia

izama disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
mary-estevao disse...

adorei e linda bjosss

meire tassinari disse...

nossa adoro zizi posse parabens
beijosssssssssssssssss

rosanacristina disse...

ADOREI ESSA VIDO GOSTO MUITO DA ZIZI POSSE BEIJOSSS NO SEU CORAÇÃO

mandy disse...

Linda musica amigo,gostei muito desse video tbm,bjsss no seu coração e uma linda tarde =]

Chrisma-Sampa Brasil disse...

Olá!... vou te confessar um coisa séria!... Eu sou péssima para seguir blogspot, mas cada vez que pedir passarei por aqui!...

Minha opinião sobre a ZIZI POSSE é que ela é uma cantora ímpar, Essa música é linda!...

Abraços mil... para você!...

Chrisma-Sampa Brasil

Postar um comentário